Benefícios da amizade

17/08/2012

Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho. —Eclesiastes 4:9

Cícero foi um dos maiores pensadores do Império Romano. Ele era um hábil orador, advogado, político, linguista e escritor. Ainda hoje é lembrado por sua prosa cristalina e sabedoria prática. Por exemplo, a respeito de ter amigos, ele escreveu: “A amizade melhora a felicidade e abate o tormento, duplicando nossa alegria e dividindo nosso pesar.” Ele compreendeu o duplo benefício da amizade ao longo da jornada da vida. Quase mil anos antes, o rei Salomão também escrevera sobre o valor dos amigos. Em Eclesiastes, lemos: “Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho. Porque se caírem, um levanta o companheiro; ai, porém, do que estiver só; pois, caindo, não haverá quem o levante” (4:9-10). Certamente, uma vida sem amigos faz nossa estada aqui ser solitária e penosa. Aquele famoso romano e esse rei judeu estavam certos: Os amigos são importantes, pois servem como confidentes e conselheiros, e ajudam a compartilhar as cargas. Pense em seus amigos. Você negligencia aqueles que Deus lhe proporcionou para compartilhar suas alegrias e tristezas? Se assim for, procure um de seus amigos para ter comunhão com ele nesta semana. Lembre-se, “Melhor é serem dois do que um…”, porque um amigo pode duplicar nossa alegria e dividir nosso pesar.

Amigos são flores no jardim da vida.

Autor: Dennis Fisher

Extraído do Devocional Nosso Andar Diário

Anúncios

Asas como de pomba

17/08/2012

…quem me dera asas como de pomba! Voaria e acharia pouso. —Salmo 55:6

Davi suspirou: “…quem me dera asas como de pomba! Voaria e acharia pouso” (Salmo 55:6). Quanto a mim, edificaria uma cabana nas montanhas ou assumiria um posto permanente numa torre de vigia de incêndio. Quando a vida fica pesada para mim, também anseio voar para longe e repousar. Davi escreveu sobre suas circunstâncias abertamente: violência, opressão e contenda cercavam-no por todos os lados, encorajadas pela deslealdade de um velho amigo (55:8-14). Medo e terror, dor e tremedeira, ansiedade e agitação o oprimiam (vv.4-5). É difícil imaginar que ele desejasse fugir de tal situação? Mas, escapar era impossível. Ele não podia fugir do seu destino, e só podia entregar suas circunstâncias a Deus: “Eu, porém, invocarei a Deus, e o Senhor me salvará. À tarde, pela manhã e ao meio-dia, farei as minhas queixas e lamentarei; e ele ouvirá a minha voz” (vv.16-17). Sejam quais forem as nossas circunstâncias — um ministério penoso, um casamento difícil, desemprego ou uma profunda solidão — podemos entregá-las a Deus. Ele retirou o fardo dos nossos pecados; não retirará o peso das nossas tristezas? Confiamos nele com nossas almas eternas; não poderíamos confiar nossas circunstâncias atuais a Ele? “Confia os teus cuidados ao Senhor, e ele te susterá…” (55:22).

Por Deus se importar conosco, podemos entregar nossos cuidados a ele.

Autor: David H. Roper

Extraído do Devocional Nosso Andar Diário


Andar de bicicleta

22/11/2011

…todos estes […] obtiveram bom testemunho por sua fé… —Hebreus 11:39

Em uma carta, Albert Einstein aconselhou seu filho Eduardo com as palavras: “Viver é como andar de bicicleta. Para manter o equilíbrio você precisa manter-se em movimento.” O conselho do grande físico é sábio e prático. Esse sábio conselho pode ser aplicado à vida cristã. Muitos cristãos continuam avançando pela fé em meio às circunstâncias dolorosas e árduas. Porém, ao enfrentarem um fracasso moral pessoal, perdem o equilíbrio e caem. O arrependimento e o sentimento de que não mais merecem o perdão de Deus, os mantêm ao chão e eles já não mais se movem em sua caminhada espiritual. A Bíblia nos dá muitos exemplos daqueles que enfrentaram sérios fracassos pessoais. Abraão mentiu para Faraó sobre sua esposa Sara (Gênesis 12:11-17). Jacó enganou seu pai para obter a bênção que pertencia a Esaú (Gênesis 27:18-29). Moisés desobedeceu a Deus ao atingir a pedra ao invés de falar-lhe (Números 20:7-12). Apesar de suas falhas, nos é dito: “…todos estes […] obtiveram bom testemunho por sua fé…” (Hebreus 11:39). Estes personagens bíblicos são colocados como exemplos porque após suas quedas voltaram-se para Deus e começaram a segui-lo novamente. Você perdeu seu equilíbrio espiritual através de uma escolha pecaminosa e agora isso o mantém no chão? Arrependa-se e siga o Deus das segundas chances mais uma vez.

Nosso Deus é um Deus de segundas chances.

Autor: H Dennis Fisher

Extraído do Devocional Nosso Andar Diário


Um virtuoso ignorado

01/10/2011

Um homem vestindo jeans, camiseta e um boné de beisebol encostou-se num muro, ao lado de um latão de lixo, numa estação de metrô em Washington.
Ele pegou um violino e começou a t
ocar. Nos 43 minutos seguintes, depois de tocar seis peças clássicas, 1.097 pessoas passaram por lá e o ignoraram.
Ninguém sabia, mas o homem que estava do lado de fora daquela estação era Joshua Bell, um dos músicos clássicos mais talentosos do mundo, tocando as peças musicais mais famosas já escritas, num violino Stradivarius que vale 3,5 milhões de dólares. Contudo, nenhuma multidão se reuniu para escutar o virtuoso. Bell disse: “Foi um sentimento estranho, de que as pessoas, na verdade. . . estavam me ignorando”.
Deus também sabe o que significa ser ignorado. O apóstolo . Paulo disse que Deus soberanamente colocou evidências de sua existência na própria natureza humana. A criação também deixa transparecer uma mensagem inconfundível sobre a criatividade, beleza, poder e caráter de Deus. Embora ele tenha revelado a sua majestade, muitos se recusam a reconhecê-lo e agradecer. Mas Deus pedirá contas a todos que o ignoram. Ele revelou: “Tais homens são indesculpáveis; porque, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças” (Romanos 1:20-21).
Vamos reconhecer e agradecer o Virtuoso dos céus, que se revelou a nós de uma forma maravilhosa. -MW

Extraído do devocional Nosso Andar Diário

 


Há um aplicativo

29/09/2010

Leitura: Efésios 5:1-7

Meditação: Provérbios 23:12

 

Você se lembra quando os telefones eram usados somente para fazer ligações? Com a chegada do telefone inteligente, o que antes era usado para falar com alguém, agora tornou-se um banco de dados. Ao adicionar aplicativos(programas de computador) ao seu celular, você pode ler notícias de esportes, jogar, planejar viagens, encontrar um apartamento ou qualquer coisa dentro dos mais de 100 mil outros serviços disponíveis com um aplicativo.

É muito surpreendente, porem os aplicativos para telefones não se comparam aos oferecidos pelas Escrituras.

As aplicações da Bíblia são notas diretas de Deus para nos ensinar a utilizar as verdades da sua palavra em todas as áreas de nossa vida.

Considere Filipenses 2, por exemplo: o aplicativo de unidade(Filipenses 2:2), o da humildade(2:3), o da murmuração(2:14), o de brilhar como luzes(2:15). Veja também as instruções de Efésios 5: de imitar Deus(5:1), andar em amor(5:2), pureza (5:3), e da língua(5:4); E o livro de Provérbios? Está cheio de instruções.

Você não precisa esperar que alguém lhe ofereça isso na internet, apenas abrir a Bíblia e ver as centenas de maneiras de aplicação das Escrituras em sua vida. Você tem dúvidas sobre a vida cristã? Examine a Bíblia. As respostas estão lá, aguardando para serem descobertas – JDB

A Bíblia tem tesouros de sabedoria para você- leia e aplique-os!

Extraído do devocional: Nosso Andar Diário

Não há amor maior

01/01/2010

* Meditação: Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida pelos seus amigos. (João 15:13)

* Pensamento: A cruz de Cristo é a evidência do amor de Deus

* Leitura: João 15:9-17

* Mensagem: Melbourne, na Austrália, é onde fica o Altar da Recordação, um memorial de guerra em honra daqueles que morreram por seu país. Construído depois da 1ª Guerra Mundial, o monumento passou a enaltecer também aqueles que serviram em conflitos subseqüentes. É um lugar muito bonito, com lembranças de coragem e devoção. Porém o ponto alto do monumento é um pavilhão contendo apenas uma pedra, com esta inscrição: “Amor maior nenhum homem tem”. Todos os anos, no dia 11, no décimo primeiro mês, às 11h, um espelho reflete a luz do sol sobre a pedra, fazendo ressaltar a palavra amor, é um tributo comovente àqueles que deram suas vidas. Nós honramos a memória daqueles que pagaram o preço máximo pela liberdade. Contudo, as palavras dessa pedra estão carregadas de um significado muito maior. Foi Jesus quem as disse, na noite anterior à sua morte na cruz, pelos pecados de um mundo necessitado (João 15:13). A morte de Jesus não foi para libertar-nos da tirania política, mas para libertar-nos da penalidade do pecado. Sua morte não foi para dar-nos uma vida melhor, mas para dar-nos a vida eterna. É importante lembrarmos daqueles que deram suas vidas pelo país. Contudo, jamais devemos nos esquecer de louvar e honrar o Cristo que morreu pelo mundo que perecia. Verdadeiramente, não existe maior amor do que esse.

Autor: William E. Crowder


O Melhor Amigo

05/04/2009

amigo

Leitura: João 15:9-15


Tenho um privilégio que amo muito e procuro viver à altura dele. Mas nem sempre é assim.

É o privilégio de ouvir a minha esposa dizer “você é meu melhor amigo”, o que ela faz frequentemente.

Porém , por mais que eu a ame, ocasionalmente faço alguma coisa que não parece vir de um “melhor amigo”.

Na realidade.  Por mais que tentemos, não conseguimos atingir este padrão altíssimo, de ser um amigo que nunca decepciona os outros. Todos falhamos de tempos em tempos, esquecendo de fazer o que deveríamos ou simplesmente permitindo que o egoísmo construa uma barreira entre nós.

Como cristãos, encontramos conforto em saber que somos chamados amigos de Deus, e ele é um amigo verdadeiro, que nunca falhará. O alegre hino Amigo de Deus, de Michael Gungor, retrata a maravilha desse relacionamento quando pergunta: “Quem sou eu para que te lembres de mim?”

Abraão foi chamado “amigo de Deus”, e essa amizade estava relacionada á sua fé (2 cronicas 20:7; Tiago 2:23). Jesus explicou como nós também podemos receber essa nomeação.

Ele disse aos seus discípulos: “Vocês serão meus amigos, se fizerem o que eu lhes ordeno” (João 15:14). Não há amigo melhor, pois sabemos que ele nunca nos deixará nem nos abandonará(Hebreus 13:5).

Você está procurando pelo melhor amigo? Você não encontrará outro melhor do que o Senhor Jesus. -JDB

Jesus é o único amigo sem falhas que você vai encontrar.

Extraido do devocional Nosso Andar Diário